728x90 AdSpace

Latest News
16 de set de 2010

Os joelhos

Olá adoradores. Graça e Paz!
Hoje posto algumas dicas sobre os joelhos. O cuidado com o nosso corpo (que é templo do Espirito Santo) é fundamental para apresentarmos a Deus nossa adoração em forma de danças. Fique atento e cuide bem do seu instrumento de louvor!

1) A articulação do joelho só se dobra em uma única direção (para a frente). Portanto, se o bailarino trabalha com os músculos da coxa virados para fora, o joelho precisa permanecer fiel a esta posição, só dobrando-se na direção do pé e acompanhando assim o en dehors.
2) Para que isso aconteça, deve ser observado se o quadril e o pé estão alinhados, ou seja, se o ângulo de abertura do pé corresponde ao ângulo de abertura da coxa. Exemplificando: se o pé de um bailarino está aberto a 90º e sua coxa a um ângulo de 70º, seu joelho está sofrendo uma torção de 20º, causando o estiramento dos ligamentos e pressão sobre os meniscos.
3) Sempre que dobrar ou esticar os joelhos, o bailarino deve observar se os pés e o quadril estão alinhados com estes.
4) Ao esticar os joelhos, o bailarino nunca deve pressioná-los um contra o outro. Esticar é produzir uma linha reta com as pernas e não evidenciar uma curvatura. Mesmo as pessoas com pernas hiper-alongadas (em "x") devem equilibrar o fêmur (o osso da coxa) com a tíbia e o perônio (os dois ossos da canela) numa linha o mais reta possível.
5) Os músculos que fazem o joelho esticar são os do quadríceps (na parte da frente da coxa). Portanto, esticar os joelhos é contrair o quadríceps até que a perna fique o mais reta possível, rodando o joelho tão en dehors quanto o restante da perna.
6) Se para esticar os joelhos o bailarino perde um pouco do seu en dehors da coxa, ele está errado. Primeiro, ele terá que ver se as duas extremidades da linha reta (os pés e o quadril) estão alinhadas, e aí sim esticar os joelhos não interferindo nesse alinhamento.
7) Atenção! Apertar um joelho contra o outro pode causar ao bailarino o estiramento e, conseqüentemente, a lesão dos ligamentos do joelho, pinçamento dos meniscos (cartilagem do joelho), problemas na patela, hipertrofia dos músculos da coxa (que estarão fora de seu alinhamento) e problemas graves de coluna, entre outras coisas.
8) Bailarinos com pernas em "x" devem fazer exercícios de fortalecimento dos músculos da parte de trás da coxa e dos músculos da panturrilha e o alongamento do quadríceps (parte da frente da coxa). São estes os principais músculos responsáveis pela saúde do joelho.
9) E, ao contrário, bailarinos com joelhos saltados para fora devem fortalecer o quadríceps e alongar os músculos da parte de trás da coxa.
10) Esticar bem os joelhos é extremamente importante para a preparação muscular de um bailarino. Sem o exercício de dobrar e esticar os joelhos seria difícil, se não impossível, a formação do tônus muscular. Portanto, é importante fazer com que os joelhos se estiquem através dos músculos já citados e não como se por eles próprios.
11) Importante!! Às vezes, os joelhos podem parecer perfeitamente esticados, não fosse por um pequeno detalhe: a patela está completamente relaxada. Esticar o joelho é inviabilizar o movimento (voluntário ou involuntário) da patela.

12) Atenção!! Ponto importantíssimo para diagnosticar os seus erros!! Freqüentemente, o bailarino desenvolve uma maneira de se apoiar atrás do joelho, deixando desativados seus músculos anteriores da coxa, postura essa que deve ser combatida e desencorajada. Isso acontece quando o bailarino se curva para a frente (souplesse) e perde o apoio do bíceps femoral para rodar suas coxas em en dehors. É muito importante nesse momento verificar se o bailarino está com o peso de seu corpo totalmente sobre as pernas, ou seja, se não há um ponto de apoio na barra ou se o peso está somente sobre os calcanhares.
 
Fonte: Internet
Silmara Caetano

Através do Blog Mover, encoraja e estimula ministérios de dança de todo o Brasil a oferecerem uma adoração com excelencia a Deus. Sirvo a Deus com coração, alma e entendimento. Tudo é por Ele e para Ele... Leia Mais sobre o autor

  • Blogger Comments
  • Facebook Comments

0 pessoas comentaram:

Postar um comentário

Compartilhe suas experiências ou deixe seu recadinho! Vou curtir de montão!

Item Reviewed: Os joelhos Rating: 5 Reviewed By: Silmara Caetano